Para usufruir de todas as funcionalidades deste site necessita de ter o Javascript activado!

Aeroporto de Lisboa será um dos 8 primeiros aeroportos europeus a utilizar um processo decisório cooperativo com o apoio da UE

segunda-feira , 29 Dezembro 2014

O Programa RTE-T da UE vai investir mais de 3 milhões de euros na implementação do processo decisório cooperativo nos aeroportos (A-CDM) em oito aeroportos europeus. O projeto deverá melhorar a previsibilidade dos voos e otimizar as operações aeroportuárias.

Os restantes aeroportos que beneficiarão deste novo sistema são os de Berlim, Copenhaga, Dublim, Hamburgo, Lyon, Manchester e Estugarda, o que irá permitir uma melhor partilha de informações sobre tráfego aéreo, bem como melhores processos e procedimentos, em sete Estados-Membros da UE.

O projeto visa otimizar a utilização da capacidade da rede e melhorar os serviços prestados aos passageiros através de uma melhor previsibilidade e pontualidade das partidas dos voos.

Destina-se a apoiar a iniciativa Céu Único Europeu (SES), que visa aumentar a capacidade do espaço aéreo da Europa, reduzir o risco de acidentes e o impacto ambiental dos voos, bem como reduzir os custos para os passageiros.

Especificamente, o projeto pretende facilitar a implementação do SESAR, o programa de investigação da UE para a modernização da gestão do tráfego aéreo europeu.

O projeto foi selecionado para financiamento da UE mediante parecer de peritos externos ao abrigo do convite plurianual à apresentação de propostas da RTE-T de 2013, na prioridade «Gestão do tráfego aéreo». A sua implementação será supervisionada pela INEA, a Agência de Execução para a Inovação e as Redes da Comissão Europeia.

A data prevista de conclusão do projeto é dezembro de 2015.

Mais informações

Projeto: 2013-EU-40007-P

O Programa RTE-T foi criado pela Comissão Europeia para apoiar a construção e atualização da infraestrutura de transportes em toda a União Europeia (http://inea.ec.europa.eu/en/ten-t).

A gestão da execução técnica e financeira do programa RTE-T é da responsabilidade da INEA (http://inea.ec.europa.eu).

Contacto

INEA-Communication@ec.europa.eu

 

Sétima - Tecnologias da Informação e Comunicação Lda